PORTAL NIPPOBRASIL ONLINE - 19 ANOS
-
Fale conosco: adm@nippo.com.br   
Sábado, 24 de junho de 2017 - 14h20
DESTAQUES:
  Empregos no Japão

  Busca
 
  Seções NippoBrasil
   Comunidade
   Opinião
   Circuito
   Notícias
   Agenda
   Dekassegui
   Entrevistas
   Especial
-
  Variedades
   Aula de Japonês
   Automóveis
   Artesanato
   Beleza
   Bichos
   Budô
   Cultura-Tradicional
   Culinária
   Haicai
   História do Japão
   Horóscopo
   Lendas do Japão
   Mangá
   Pesca
   Saúde
   Turismo-Brasil
   Turismo-Japão
-
  Esportes
   Copa do Mundo 2014
   Copa das
 Confederações 2013
-
  Especiais
   Imigração Japonesa
   120 anos de Amizade  Japão-Brasil
   Bomba de Hiroshima
   Japan House
   Festival do Japão 2016
-
 Colunas
   Conversando de RH
   Mensagens
     Roberto Shinyashiki
-
 Veja mais  Classificados
   Econômico
   Empregos no Brasil
   Guia Profissionais
   Imóveis
   Oportunidades
   Ponto de Encontro
-
  Interatividade
   Fale com a Redação
-
  Institucional
   Quem somos


Caderno Saúde - NIPPOBRASIL

O sapato nosso de cada dia
Escolha inadequada dos calçados pode colocar a saúde em risco
 

Escolhas: conforto é indispensável

(Reportagem: Suzana Sakai | Foto: Divulgação)

Muito mais do que um simples acessório, os sapatos são capazes de causar verdadeiras paixões entre as mulheres. No entanto, a escolha inadequada dos calçados pode ocasionar sérios danos à saúde. “Os primeiros sintomas são a formação de bolhas e calos, principalmente nos dedos e no calcanhar. Vêm ainda a dor na face plantar do pé, o desconforto ao caminhar e o grande alívio ao retirar o sapato”, descreve o ortopedista Antonio Borja.

Segundo Antonio, as adeptas do lema “elegância acima de tudo” devem rever seus conceitos, afinal, a beleza dos sapatos pode vir acompanhada de dores, lesões e deformidades nos pés. “Ao insistir no modelo inadequado, a pessoa pode enfrentar a formação de neuromas [tumor nos nervos], calosidade nas regiões interdigitais e plantares, acentuação e desenvolvimento de joanete e fascite plantar [inflamação na sola do pé]”, afirma o ortopedista.

O modelo ideal

Na hora de escolher um calçado, conforto e movimento devem ser as palavras de ordem. “É importante prestar atenção em algumas especificidades: distância do dedo maior até a biqueira [início do sapato], espaço para movimentar o pé ao levantar [o ideal é mover os dedos sem compressão] e, ao andar, o sapato deve ser confortável, tanto no calcanhar quanto no meio do pé”, orienta Antonio.

Um dos equívocos mais comuns na compra dos calçados é a escolha de um sapato apertado, com a expectativa de que ele “folgue” com o uso. Antonio explica que, já no ato da compra, é preciso de espaço para movimentar o pé. “Além disso, é fundamental evitar calçados que comprimam a região dos metatarsos [parte mediana do pé]. É preciso testar o sapato para verificar se está confortável e bem adaptado ao pé”, explica o médico.

Salto alto

Indispensável para muitas mulheres, o salto alto pode ser considerado um dos grandes inimigos da saúde. Além dos males proporcionados para a coluna, os saltos comprometem os pés de diversas maneiras. “O salto alto pode ocasionar joanetes, deformidades, dores nos pés, na parte da planta e/ou na sola do pé. Além disso, o risco de torções é alto”, conta o ortopedista.

Para aquelas que não dispensam o salto, a dica é não abusar. “O segredo é evitar usá-los por muitas horas seguidas. Vale lembrar que a busca pela elegância não deve colocar em risco a saúde”, conclui Antonio.

 
Crianças e idosos

Crianças e idosos devem ter atenção redobrada com o uso de calçados inadequados. As crianças, para não sobrecarregar a estrutura óssea que está em formação; e os idosos, pela fragilidade e os problemas típicos da idade. O ortopedista Antonio Borja explica que, em ambos os casos, é apropriado um calçado confortável, leve e com formato adequado, que não esteja apertado, nem muito grande. “Os idosos que têm problema de diabete podem perder a sensibilidade nas extremidades dos pés, e calosidades nesse local podem acarretar uma lesão muito séria. O cuidado deve ser redobrado. O tecido deve ser macio e deve-se evitar salto e sapatos que comprimam o pé. Modelo e estilo podem mudar a forma do calçado, mas o importante é que este deve ser adequado ao pé e o conforto é indispensável”, afirma Antonio.

 
 Coluna
 Arquivo - Saúde
• 10 mandamentos do coração saudável
• Infertilidade: a solução simples graças à restauração da fertilidade
• Faça do auto-exame das mamas um hábito!
• Infecção Hospitalar
• Câncer no estômago na população nikkei
• Cirurgia de Miopia, Astigmatismo e Hipermetropia
• Reduzindo o risco de infarto - Parte 2
• Reduzindo o risco de infarto - Parte 1
• Aids na Terceira Idade... é melhor prevenir!
• Asma
• Hipertensão arterial afeta homens e mulheres
• Reposição Hormonal e Soja
• Dor de cabeça e qualidade de vida
• Endometriose: Uma doença enigmática
• Catarata
• Herpes simples
• Fique de Olho
• Higiene bucal como prevenção
• Câncer de Próstata
• Gastrite, é o meu estômago doendo!
• Cuidado com a pneumonia
• Entendendo o que é Diabetes Mellitus
• Mantenha a mente ativa
• Acupuntura: agulhas do bem-estar
• Acupuntura: Uma forte aliada contra o fumo
• O poderoso chá vermelho
• Fique bem com seu organismo
• Sorriso belo e saudável
• Remédios em excesso: um risco para a audição
• Shiatsu: equilíbrio na ponta dos dedos
• Chi kung
• Sorria!
• “Sai pra lá, chulé!”
• Cuidados de inverno
• O sapato nosso de cada dia
• Congelados: prático e saudável
• Trabalho sem dor
• De bem com a vida
• A eficácia do chá branco
• Sua coluna de bem com o carnaval

© Copyright 1992 - 2016 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados - www.nippo.com.br

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante.
Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

Sobre o Portal NippoBrasil | Fale com o Nippo