Portal NippoBrasil - OnLine - 19 anos
Sexta-feira, 18 de outubro de 2019 - 13h14
  Empregos no Japão

  Busca
 

SEÇÕES
Comunidade
Opinião
Circuito
Notícias
Agenda
Dekassegui
Entrevistas
Especial
-
VARIEDADES
Aula de Japonês
Automóveis
Artesanato
Beleza
Bichos
Budô
Comidas do Japão
Cultura-Tradicional
Culinária
Haicai
História do Japão
Horóscopo
Lendas do Japão
Mangá
Pesca
Saúde
Turismo-Brasil
Turismo-Japão
-
ESPORTES
Copa 2014
-
ESPECIAIS
Imigração
Tratado Amizade
Bomba Hiroshima
Japan House
Festival do Japão
-
COLUNAS
Conversando RH
Mensagens
Shinyashiki
-
CLASSIFICADOS
Econômico
Empregos BR
Guia Profissionais
Imóveis
Oportunidades
Ponto de Encontro
-
INSTITUCIONAL
Redação
Quem somos
-
21 de julho de 2017 - Decasségui - Portal NippoBrasil
 

O que é visto de Working Holiday?

Com a recente proposta de concessão de visto de Working Holiday para a quarta geração de nipo-brasileiros (yonseis) poderem trabalhar no Japão, o Nippobrasil faz uma breve explicação sobre essa modalidade de visto. Por enquanto o Brasil não está na lista de países permitidos para essa categoria no Japão.

O que é e como funciona?

O visto de Working Holiday, ou visto de férias com permissão de trabalho, é uma modalidade que permite aos jovens passem férias e, ao mesmo tempo, tenham permissão para trabalhar e estudar, por um período determinado, no país que está visitando. O objetivo principal do visto é ajudar o viajante a aproveitar melhor a viagem, permitindo obter remuneração extra para realizar passeios internos e aprofundar conhecimentos sobre o cotidiano e a cultura local. Uma combinação de estudo, trabalho temporário e viagens.

Essa modalidade de visto é encontrada em diversos países, e o Japão já o emite desde 1980. Hoje os japoneses contam com 18 países parceiros, entre eles, a Inglaterra, Taiwan, Portugal, Dinamarca, Espanha, Noruega e Coréia.

A validade do visto é normalmente de um ano e abrange a faixa etária de 18 a 30 anos. Porém, cada país tem suas regras, que podem ser diferentes em diversos pontos, como por exemplo, no Japão, o visto permite trabalhar em qualquer área do mercado, exceto em bares, cabarés, casas noturnas e de jogos. Já na Austrália, é necessário cumprir um número mínimo de horas de estudo e em outros lugares há limitação de horas de trabalho.

Cada país define também uma cota máxima de emissão anual por nacionalidade de origem e o viajante precisa ter a passagem de volta ou o valor suficiente para custear o retorno.





Importante:
O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante. Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

  Arquivo - Dekassegui
11/10/2019
• Encontro de jovens nikkeis que moraram no Japão
30/09/2019
• Emissão de vistos a yonseis estão bem abaixo da expectativa
10/09/2019
• Família é o novo perfil do dekassegui
06/02/2019
• Palestras no Ciate, em fevereiro, sobre Declaração do IR e Cadastramento de Seguro Social
12/12/2018
• Atraso em voos: calculadora mostra qual o valor da indenização para o viajante
26/10/2018
• Alitalia anuncia codeshare com a All Nippon Airways (ANA)
13/07/2018
• Anac reajusta taxas dos aeroportos de Guarulhos e Viracopos
13/06/2018
• BNDES lançou projeto para incentivar o setor de franquias
25/05/2018
• SMTE oferecerá serviços gratuitos no Integra Jabaquara em SP
10/05/2018
• SMTE participará da Semana do MEI 2018
06/04/2018
• Oficina gratuita sobre empreendedorismo é oferecida pelo CATe de São Paulo
04/04/2018
• Secretaria Municipal do Trabalho fará formalização de MEIs da capital paulista na Feira do Empreendedor
07/03/2018
• Secretaria Municipal do Trabalho promove o empreendedorismo feminino em SP
23/02/2018
• Ao marcar viagem de avião, fique atento aos seus direitos em caso de atraso ou cancelamento de voo no aeroporto
16/02/2018
• Visto para brasileiros yonseis pode sair ainda em 2018
11/02/2018
• Fundação Japão em São Paulo abre uma vaga para funcionário
14/12/2017
• Banco Itaú Unibanco lança transferência internacional via aplicativo
30/11/2017
• Oficinas orientam trabalhadores que buscam emprego

A empresa responsável pela publicação da mídia eletrônica www.nippobrasil.com.br não é detentora de nenhuma agência de turismo e/ou de contratação de decasségui, escolas de línguas/informática, fábricas ou produtos diversos com nomes similares e/ou de outros segmentos.

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante. Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

© Copyright 1992 - 2019 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados

246 usuários online