PORTAL NIPPOBRASIL ONLINE - 19 ANOS
-
Fale conosco: adm@nippo.com.br   
Terça-feira, 20 de novembro de 2018 - 3h57
DESTAQUES:
  Empregos no Japão

  Busca
 
  Seções NippoBrasil
   Comunidade
   Opinião
   Circuito
   Notícias
   Agenda
   Dekassegui
   Entrevistas
   Especial
-
  Variedades
   Aula de Japonês
   Automóveis
   Artesanato
   Beleza
   Bichos
   Budô
   Comidas do Japão
   Cultura-Tradicional
   Culinária
   Haicai
   História do Japão
   Horóscopo
   Lendas do Japão
   Mangá
   Pesca
   Saúde
   Turismo-Brasil
   Turismo-Japão
-
  Esportes
   Copa do Mundo 2014
   Copa das
 Confederações 2013
-
  Especiais
   Imigração Japonesa
   120 anos de Amizade  Japão-Brasil
   Bomba de Hiroshima
   Japan House
   Festival do Japão 2018
-
 Colunas
   Conversando de RH
   Mensagens
     Roberto Shinyashiki
-
 Veja mais  Classificados
   Econômico
   Empregos no Brasil
   Guia Profissionais
   Imóveis
   Oportunidades
   Ponto de Encontro
-
  Interatividade
   Fale com a Redação
-
  Institucional
   Quem somos


Caderno Bichos

Independentes e bem nutridos

Gatos possuem necessidades nutricionais superiores às dos cães
 

(Foto: Divulgação)

Os gatos sempre foram vistos como animais independentes em relação aos cães, mas, quando o assunto é a alimentação, os donos desses pets precisam dispensar alguns cuidados a mais. Isso porque os felinos possuem necessidades nutricionais superiores às dos cachorros. “Gatos precisam de suplementação de nutrientes específicos, que não são necessários a outros animais domésticos. Destacam-se a taurina, um aminoácido; o ácido araquidônico, um lipídio estrutural e as Vitaminas A e B3 pré-formadas. Além disso, suas necessidades de proteína e gordura de origem animal e algumas vitaminas são muito maiores que as dos cães”, explica o veterinário Dalton Ishikawa.

Outro ponto que deve ser observado na alimentação dos gatos é a preferência do animal, como ensina a veterinária do Departamento Técnico Vetnil, Isabella Vincoletto. “Os gatos, assim como alguns humanos, possuem gostos diferentes. Alguns animais não aceitam certos tipos de alimentos que outros aceitariam. A preferência alimentar desses animais irá depender de alguns pontos, como textura, odor do alimento, forma física e hábito alimentar.”

Alimentação inadequada

A ausência de certos nutrientes na alimentação dos felinos pode ocasionar problemas como anemia, queda de pêlos, enfermidades renais, falha no crescimento e no desempenho reprodutivo, entre outros.

Para tratar e prevenir tais inconvenientes, é preciso oferecer ao animal uma nutrição adequada e específica. “A suplementação de certos nutrientes, de modo específico e direcionado, é em muitas das vezes essencial para a prevenção desses quadros, ou até mesmo fundamental para o auxílio à recuperação de enfermidades já instaladas. A administração da Vitamina C como acidificante urinário, por exemplo, é uma prática bastante adotada, pois previne a formação de cálculos de estruvita, ou mesmo auxilia na sua dissolução”, afirma Isabella.

Ração

Os nutrientes necessários para o bom funcionamento do organismo dos gatos podem ser encontrados nas rações segmentadas para a espécie. Além de oferecer uma alimentação balanceada, esses produtos ainda conseguem agradar ao paladar dos felinos.

Na hora da compra, é necessário que o dono do pet esteja atento a aspectos como integridade da embalagem, prazo de validade, armazenamento e, principalmente, a qualidade da ração, que, normalmente, é indicada como “super-premium”, “premium” ou “standart”. “A super-premium só é comercializada em pets shops. Aparentemente, é bem mais cara, mas não o é na realidade, pois possui os melhores ingredientes, uma ótima digestibilidade e absorção. Resultado: o volume diário necessário é bem inferior ao de uma ração standard, sem contar que o volume de fezes é bem menor e mais firme”, indica Dalton.

Idade do animal, condição corporal e estado fisiológico também devem ser relevados no momento da escolha, procurando-se um produto que melhor se adeque a cada situação.

 
Fases da vida

Para cada fase da vida do animal, é necessário uma nutrição específica. No caso dos filhotes recém-nascidos, por exemplo, o leite materno é fundamental, pois tem os nutrientes necessários para o desenvolvimento do filhote. “Sem a presença da mãe biológica, deve-se tentar conseguir uma mãe substituta, que adote os filhotes e que forneça colostro, o qual é o primeiro produto secretado pela glândula mamária no início da lactação, rico em anticorpos e indispensável nos primeiros dias de vida”, diz Isabella Vincoletto.

O leite deve ser gradualmente substituído por alimento sólido, até que o desmame pleno aconteça, por volta da sexta semana de vida. Após essa idade, a etapa de crescimento representa um período de rápido desenvolvimento e crescimento de tecidos, o que se reflete num aumento das exigências de energia e nutrientes como proteínas e minerais (principalmente cálcio e o fósforo). “Alimentos com alto teor energético e protéico são indicados nessa fase da vida, além de suplementos específicos, à base de aminoácidos, vitaminas e minerais para casos de déficit de crescimento”, afirma a veterinária da Vetnil.

No caso dos animais adultos, a alimentação deve ser adequada de acordo com as necessidades e rotina de cada felino. “Já existem rações específicas para alguns tipos de raças, se o animal vive dentro ou fora de casa, se é muito exigente ou sensível a determinadas rações, se tem muita tendência a formar bolas de pêlo ou tártaro, se possui pêlos muito delicados, se tem tendência à obesidade, etc.”, relata Dalton.

Por fim, os gatos idosos devem seguir uma alimentação com nutrientes biodisponíveis, devido à diminuição da capacidade digestiva. Produtos contendo componentes como aminoácidos purificados e ácidos graxos são bastante indicados nessa fase. “Probióticos e prebióticos também têm apresentado resultados bastante satisfatórios. Por outro lado, a diminuição nas taxas metabólicas nos animais mais velhos podem se refletir em aumento de peso e, por isso, o controle da ingestão de alimentos também é essencial nos casos de animais que dificilmente controlam a ingestão diária”, complementa Isabella.

 Pets do Leitor
 Arquivo: Pets
• Dia Mundial do Gato: veja como cuidar dos bichanos
• Saiba tudo sobre as vacinas
• Cuidados: Top 5 de verão
• Brincadeira que faz bem
• Esquilo da Mongólia
• Dia de banho!
• Atendimento de emergência
• Na hora da compra
• O melhor hotel para seu amigo
• Mais do que um bom amigo
• Adotar é tudo de bom!
• Alimentação para Aves: Balanceada e variada
• Independentes e bem nutridos
• Cuide bem da refeição do seu cachorro
• Evite as doenças de verão
• Câncer: diagnósticos e tratamento
• Tá nervoso? Vai brincar!
• Atenção com as unhas!
• Medicamento na medida certa
• Jabutis são animais tímidos e dóceis
• Um olhar esbranquiçado
• Calopsitas: Dócil e divertida
• Ferrets: Amistosos e brincalhões
• Animais idosos
• Diabetes?
• “Castrei, e agora?”
• Vermífugo: um importante aliado
• Iguana: Exótica e exigente
• Doenças do homem em animais de estimação
• Terapia comportamental
• Um pássaro do barulho
• “Cadê meu filhotinho?”
• Programa de adoção
• Florais para eles também!
• Um problema sazonal
• Top 5 de escovação
• Filhotes, filhotes, filhotes!
• Um coelho em sua vida
• “Que coceirinha...”
• Doença ou personalidade?
• Um peixe bom de briga
• Anticoncepcional: Problema ou solução?
• Meu pintinho amarelinho
• Cachorro Bem-Educado
• Farmácia Pet
• Adorável roedor
• Um amor de bicho
• Pet moderno

© Copyright 1992 - 2016 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados - www.nippo.com.br

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante.
Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

Sobre o Portal NippoBrasil | Fale com o Nippo